Notícias

17h19

Museu da Misericórdia realiza lives em comemoração ao Dia Nacional do Patrimônio Histórico

Compartilhe
Tamanho da Fonte

O Museu da Misericórdia irá realizar, durante o mês de agosto, duas lives em comemoração ao Dia Nacional do Patrimônio Histórico e Cultural, celebrado no dia 17 de agosto. A data foi instituída em homenagem ao jornalista Rodrigo Mello Franco de Andrade, nascido em Belo Horizonte (MG), no dia 17 de agosto de 1898, que foi o primeiro presidente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional ((Iphan), entre os anos de 1937 e 1967.

Na próxima quarta-feira (25), às 17h, a primeira conversa será com Ana Góis, museóloga e técnica do Iphan, com o tema “Museus como principal instrumento de preservação do patrimônio móvel”. Para a museóloga do Museu da Misericórdia, Osvaldina Cezar, anfitriã e mediadora das lives, estas são oportunidades de ampliar o diálogo com profissionais de expertise comprovada nas respectivas áreas de atuação, enriquecendo o trabalho desenvolvido no Museu. “Participar das comemorações do Dia do Patrimônio Histórico reforça o papel do Museu da Misericórdia como agente de preservação do patrimônio histórico e cultural, não só da Santa Casa, mas, da população baiana, já que o Museu representa o legado de uma instituição que nasce junto com a cidade de Salvador”, pontuou Osvaldina.

Já no dia 31 de agosto, também às 17h, o bate-papo será com a historiadora Rosana Souza, coordenadora do Centro de Memória Jorge Calmon, arquivo histórico da Santa Casa de Misericórdia da Bahia (SCMBA), com o tema “Dialogando entre acervos: Museu da Misericórdia e o Centro de Memória como espaços de salvaguarda do patrimônio histórico e cultural da Santa Casa”. O diálogo abordará as relações entre o acervo do Museu da Misericórdia e os documentos do Centro de Memória, além da importância da preservação deles.

“Comemorar o dia do Patrimônio Histórico e Cultural significa valorizar o caráter único, plural, e engenhoso das nossas diversas formas de expressões culturais, tanto materiais quanto imateriais, e nos desperta para a importância de preservar e ressaltar a nossa memória através do resgate da nossa história, com toda a sua beleza e contradições”, ressaltou Rosana. Todas as lives serão exibidas no Instagram @museudamisericordia.
 

Deixe seu comentário
Siga-nos:
Museu da Misericórdia
2016 - 2022. Museu da Misericórdia. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital
Apoio Financeiro: